segunda-feira, 26 de dezembro de 2011

AMIGOS

Os meus amigos,
eu sei que os tenho
por causa de uma química
presente, fluente
que me faz sentir bem
que me fez sentir bem
desde o início.
Os meus amigos
são surpreendentes
no jeito de serem
de me tratarem,
assim como eu os trato:
com carinho
com respeito
com amizade, de fato.
E quando não há a química,
som ou rima
eu tento de novo.
Já perdi as contas
de quanto tentei novamente,
quando dos versos tortos
sem som
sem rima
sem nada.
Versos tortos dele,
dela,
meus...
Mas viva!
Viva, aqueles da química!
Aqueles que às vezes
São tão, iguais, reais
quanto meus ais,
e mais, muito mais
que o próprio espelho.

(Jayme Jr.) - Copyright

Nenhum comentário: